quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Força Nacional de Segurança vai patrulhar fronteiras do Acre por seis meses

Força Nacional de Segurança


A pedido do governador Tião Viana do PT, o Ministério da Justiça autorizou o emprego da Força Nacional de Segurança Pública para atuar na região fronteiriça do estado do Acre. De acordo com portaria publicada no Diário Oficial da União, de 27 de setembro, a intenção é combater o tráfico de drogas e demais crimes nas fronteiras com o Peru e a Bolívia.

A Força Nacional terá acesso aos sistemas de informações e ocorrências no âmbito da Segurança Pública durante a operação que terá apoio logístico e supervisão do Estado. As atividades serão de fiscalização e repressão dos crimes de contrabando, tráfico de drogas e armas por um período de 180 dias, com prazo prorrogável, caso haja necessidade.

"As nossas fronteiras são muito desprotegidas, o que nós queremos é aumentar a fiscalização nesses lugares. Eles vêm para a gente intensificar as nossas saídas para Bolívia e Peru", explicou o comadante da Polícia Militar do Acre, coronel José Anastácio.

Segundo o coronel, ainda não existe a quantidade de homens, nem a data de quando eles devem chegar ao estado, por causa de acertos que devem ser feitos entre a Secretaria Segurança Pública do Acre e a nacional. Porém, já é certo que o trabalho será realizado em parceria com a Polícia Militar da região. O reforço vai ficar em Brasiléia, havendo o deslocamento para outros lugares quando houver demanda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...